A CRIAÇÃO DO HOMEM


"A CRIAÇÃO DO HOMEM" (Genesis 2.7)

Como o homem veio a existir neste mundo? Qual é a origem da raça humana? Este tem sido sempre o questionamento fundamental do homem, juntamente com a pergunta: "Para que estou vivendo?" O homem sempre se esforçou por achar a resposta, mas ninguém foi capaz de receber ou dar resposta a essa pergunta final.
Recebemos resposta somente quando Deus no-la revela através de sua Palavra, que é a Verdade. Estudemos a Palavra de Deus e descubramos como e por que fomos feitos.

a) O Homem Foi Feito à Imagem e Semelhança de Deus
Todas as coisas foram criadas pela Palavra de Deus, a luz, os luminares, separação do dia e noite, as criaturas viventes no mar, no céu e todas as plantas foram criadas pela Palavra de Deus. Foi somente o homem que Deus não criou por sua Palavra.. No sexto dia de sua criação, o próprio Deus tomou o pó da terra, formou o homem e soprou a vida em suas narinas, e tornou-se alma vivente a sua própria imagem e semelhança.
b) O Que é a "Semelhança de Deus"?
Assim como Deus é o Deus Triúno, Pai, Filho e Espírito Santo, o homem consiste em espírito, alma e corpo. Cada função da Trindade de Deus é diferente das outras, assim como o espírito, alma e corpo do homem diferem entre si.
Como podemos provar que o homem é feito à imagem e semelhança de Deus?
1. UM ESPÍRITO => O homem pode ter comunhão com Deus porque tem o espírito dado por Deus. Deus é um ser espiritual. O homem também é um ser espiritual, o que prova que é feito à semelhança de Deus.
2. UM SER MORAL => Como ser moral, o homem foi feito à semelhança de Deus. O homem discerne o bem do mal à luz da ética e do senso de moralidade que foi colocado em sua consciência. (Ef 4:24/Cl 3:9,10)
3. UM SER RACIONAL => Os animais agem por instinto enquanto o homem age com base racional. (Rm 7:15,17) Por ter sido feito à semelhança de Deus, o homem é capaz de desenvolver o intelecto dado por Deus e progredir na cultura que desfruta; o homem tem a consciência do certo e do errado, enquanto o animal não tem.
4. UM SER ETERNO => O homem difere dos animais pelo fato de viver eternamente. É por isso que ao espírito do homem resta apenas uma escolha na hora da morte física: se vai viver eternamente no inferno ou eternamente no céu. (Jo 6:47 /Mt 25:46)
5. UM SER COM PODER E DOMÍNIO => Deus criou todas as coisas e as colocou sob seu próprio controle (I Co 15:27). Quando Deus criou Adão à sua semelhança, deu-lhe também autoridade para governar todas as coisas. (Gn 1.26 / Sl 8:6).
Sendo assim somos criados por Deus a sua imagem e semelhança e temos grandes privilégios em relação ao restante da criação de Deus. Deixe o Criador agir em sua vida como é a Sua Vontade.
O homem foi feito a imagem e semelhança de Deus. O homem não foi criado pela a Palavra de Deus, mas sim pela sua própria mão. O homem possui um espírito, é um ser moral, um ser racional, um ser eterno tanto para vida eterna como para a condenação eterna, um ser com poder e domínio. Hoje veremos a condição do homem antes da queda.
1. A Condição do Homem Antes da Queda
a) Era sem Pecado: Gn 3:14-19.=> Adao não conhecia enfermidade, morte, vergonha. Capacidade de fazer o mal e ser mau. Como resultado dos seus pecados e dos pecados das gerações posteriores, ele colheu tudo isso e mais. Quando nascemos de novo através do sangue de Jesus Cristo, o aguilhão da enfermidade e da morte é nos removido.
b) Tinha poder e domínio: Gn 1:26/ 2:15,20 => Antes da transgressão, Adão dominava os peixes do mar, as aves do céu, o gado, e cada criatura que andava sobre a terra ou acima da terra. O poder de Adão para dominar era um poder criativo. Ele conseguia não apenas manter todas as coisas na terra mas também melhorá-las.
Quando nos tornamos "novas criaturas crendo em Jesus Cristo, somos restaurados para ter dominio sobre nossas circunstâncias, e ter poder em oração para melhorá-las (Sl 8:6/ Ef 1:17).
c) Ele era harmonioso: Antes que Adao se rebelasse contra Deus sua vida era perfeita harmonia. Primeiro, ele usufruia de harmonia íntima, no espírito, alma e corpo. Segundo, estava em harmonia com a natureza. Terceiro, tinha harmonia e unidade com Eva. E podia também falar diretamente com Deus.
Conclusão
Quando nascemos de novo e nos tornamos novas criaturas em Jesus Cristo, somos declarados justos, como se jamais tivéssemos pecado, como o primeiro Adão ( Is 1:18). Temos controle sobre nossas circunstâncias e todas as coisas sobre a terra relacionadas com as nossas vidas (Sl 8:6), bem como o gozo de uma bela vida cheia de harmonia.